O Amor Conturbado de Xena e Gabrielle


Ainda me lembro quando vi Gabrielle, sua irmã e as outras garotas da cidade sendo apanhadas para serem escravas.
Por trás de um arbusto, Xena observa e se impressiona com a coragem daquela menina, ao enfrentar o bandido cara a cara, dizendo que eles poderiam levá-la e deixarem as outras.
Xena, vendo que o bandido iria bater naquela garota, resolve interferir.
Durante a briga, Xena vê um soldado agarrando a jovem e o derruba com uma lança.
Sem perceber, ali começava um certo sentimento, do qual Xena tentou fugir a princípio.
Gabrielle, já em sua casa com Xena, diz não ter vocação para a vida que seus pais sonhavam pra ela. Isso já indicava que seus interesses eram incomuns para sua família.
A barda sentiu atração a primeira vista, e fez uso do heroísmo de Xena para se aproximar dela, dizendo que queria segui-la para aprender tudo o que Xena sabia.
Xena, ao perceber seu interesse, foi logo tratando de cortar qualquer aproximação.
Mas a teimosa Gabrielle resolveu segui-la mesmo assim.
Em Amphipolis, ela aparece de repente para defender Xena e, logo depois, diante do túmulo de Lyceus, ela afirma que Xena não está mais sozinha. Ou seja, mais oferecida que isso, impossível.
Mas Xena tentava se esquivar, vendo na loira apenas uma provável amizade.
Xena não queria se envolver com ela por medo. Medo de que algo ruim pudesse lhe acontecer.
Mas Gabrielle continuou acompanhando Xena em todos os lugares onde, por muitas vezes, se metia em problemas, e a guerreira sempre a salvava. Ela fazia de tudo para atrair a atenção de Xena, até mesmo arriscava sua própria vida, pois no fundo sabia que Xena também lhe tinha sentimento e não a deixaria sofrer.
Só que Xena demorou demais para assumir seus sentimentos e foi aí que Gabrielle, cansada de esperar, resolveu casar-se com Pérdicas, por pena dele e, ao mesmo tempo, para tentar ser feliz com outra pessoa.
Ao ver que Gabrielle realmente havia se casado, Xena caiu em si. Mas ela achou melhor assim, pois viver ao lado dela era extremamente perigoso. Ela preferiu ver a moça feliz com outra pessoa e longe de encrencas.
Ao se despedirem, Xena cria coragem e lhe dá um beijo, que obviamente foi correspondido. Mas agora já era tarde, Gabrielle estava casada e tinha um marido lhe esperando para a lua de mel.
Inclusive, durante a noite de núpcias, Gabrielle revela nunca ter estado antes com um homem, mas não que fosse virgem, portanto, era provável que já houvesse acontecido algo entre ela e Xena, mas, por algum motivo, e creio eu que por Xena não querer se envolver, foi apenas uma vez ou duas, no máximo.
Como não havia outra escolha naquele momento, ela resolveu se entregar a Pérdicas, não por amá-lo, mas por confiar nele e lhe ter carinho. Afinal, foram criados juntos.
Xena, mesmo dando adeus a Gabrielle, acaba voltando para deter o ataque de Callisto. Ela tenta defendê-los, mas Callisto mata o homem. (Na verdade, foi um favor que ela fez, vamos combinar)
Gabrielle chora, sofre, pela perda de Pérdicas, mas foi pelo modo como ele morreu, não por que o amava. Aliás, ela o amava, mas era como amigo, irmão, talvez.
Xena tentou ser a mais diplomática possível, mas em seu íntimo sabemos que ela havia ficado feliz por ter Gabrielle de volta. Agora ela poderia tentar uma aproximação ainda maior.
A princesa guerreira, conhecida por sua coragem em combater toda espécie de bandidos, era uma covarde em relação ao amor.
Por várias vezes, jovens rapazes se aproximavam da barda e ela nada fazia, não tomava nenhuma atitude. Mas Gabrielle, no fim, acabava percebendo que seu lugar era ao lado da guerreira.
Xena passava pelas mesmas provações, mas sempre dava um jeito de se esquivar das investidas dos homens. Talvez pensasse em ficar com eles e esquecer Gabrielle naquele momento. Mas algo era mais forte e elas prosseguiam juntas.
Foi quando Xena morreu pela primeira vez que Gabrielle se deu conta do tempo que perdeu, das insinuações que fazia com seus olhares para Xena, sem muito dizer. Se arrependeu amargamente por não ter lhe revelado seus reais sentimentos.
Mas Xena apareceu pra ela, no corpo de Autolycus, e foi ali que Gabrielle entregou-se, revelando o quanto tinha à dizer à Xena. Esta, por sua vez, sempre soube e, acreditando que talvez não conseguisse voltar mais do mundo dos mortos, resolveu assumir sua paixão de vez, dando um beijo, agora mais convincente, em Gabrielle.
A partir dali, após o retorno de Xena para a vida, elas resolveram assumir este amor, que estava preso há tempos dentro de seus corações.
Porém, nenhuma das duas conseguiu assumir perante aos outros tamanha paixão, se tratando apenas como melhores amigas. Mas todo mundo via que era bem mais que isso.
Não se sabe exatamente em que ponto da história elas tiveram sua primeira vez, mas era fato que isso acontecera e, como já dito, possivelmente aconteceu antes do casamento de Gabrielle. E depois em banhos matinais no rio, em banheiras de água quente, debaixo do feno, durante a noite sob o luar. O fato é que elas se tornaram um casal realmente, com tudo a que se tem direito: brigas, discussões, picuinhas, ciúmes, etc.
Mas, mesmo sabendo que os outros sabiam, continuavam a se tratarem apenas como amigas. O que elas temiam, afinal? Talvez a reação de suas famílias. Quando Hope se fez passar por Gabrielle e Xena foi até a casa de seus pais em Potédia, não foi bem recebida por eles. Conclusão: os pais da barda não aceitavam este amor.
Quando Xena ficou grávida, sua mãe fez de tudo para arrumar um marido pra ela.
Esta, por sua vez, ao ser questionada por Ares sobre a paternidade da criança, ela diz convicta que Gabrielle era o pai. Pronto, assumiu de vez. Perdeu o medo. Pelo menos de Ares, que também já sabia, mas quis provocar a guerreira.
Para salvar o bebê de Xena, elas simularam a própria morte, mas Ares, burro que só ele, congelou as duas. Porém, ele foi sentimental, ao deixá-las lado a lado.
Ao acordarem depois de 25 anos, encontraram o mundo um tanto diferente. Agora poderiam demonstrar mais o amor que sentiam perante as outras pessoas.
E foi o que aconteceu quando Gabrielle ficou presa pelo ‘amor’ de Brunhilda, no meio do fogo. Todo mundo já sabia que Xena era sua alma gêmea. Histórias contadas pelas pessoas durante os 25 anos deram a certeza que todos queriam.
Nem mesmo com amnésia, com a mudança dos destinos, aquele amor era esquecido.
Xena atravessou o fogo e acordou sua amada com um beijo, como nos contos de fada. O amor delas também é um conto de fadas, contudo, sem o final feliz que todos aguardávamos.
Por causa de um antigo caso, Xena mete os pés pelas mãos e vai ao auxílio de Akemi. Acaba se deixando morrer em prol de 40 mil almas. Tudo por causa daquela ridícula.
Gabrielle não entende bem o que se passa, mas mesmo assim luta para recuperar o corpo de Xena, na intenção de trazê-la de volta pra ela. Mas Xena não quis voltar.
Concluo que Gabrielle sempre amou mais a Xena, desde o início. Xena a trocou por 40 mil almas.
(Eu não me conformo com isso até hoje. Que se danem as 40 mil almas!)

por Math Pitbull


Comentários
15 Comentários

15 comentários:

  1. Também não me conformo ainda mais pq a Xena libertou as almas,portanto não devia mais nada a elas.Confesso que fiquei muito triste e até de mau humor quando vi o final,mas fazer o que né?

    ResponderExcluir
  2. verdade a Xena foi o que ela é uma guerreira com isso colocou a vida de inocentes a frente da sua... é isso que devemos observa

    ResponderExcluir
  3. Muito triste o final... injusto depois de tudo que elas passaram juntas. Gabrielle merecia ter a Xena de volta, mas a própria não quis retornar, então... só resta lamentar.

    ResponderExcluir
  4. Por favor, alguém mude esse final; Xena & Gabrielle tem que ficar juntas, (carnalmente falando)e não Xena morta e Gabrielle viva sem o seu amor para lhe aquecer nas noites frias!
    Sério, o final de xena poderia ter sido mais emocionante !

    ResponderExcluir
  5. Por favor, alguém mude esse final; Xena & Gabrielle tem que ficar juntas, (carnalmente falando)e não Xena morta e Gabrielle viva sem o seu amor para lhe aquecer nas noites frias!
    Sério, o final de xena poderia ter sido mais emocionante !

    ResponderExcluir
  6. Fodam-se as mil almas! A xena deveria ter terminado com a Gabby. Pelo menos pra nos deixar com a consciência tranqüila e em paz em pensar que as duas ficaram juntas. Sempre assistia xena na record quando eu era menor, amava a relação de xena e gabrielle e nao sabia porque. Aí descobri que eu queria ser a gabrielle e ter essa relação de amor amizade com a xena rsrs. Quem tiver instagram segue aí @xenatv

    ResponderExcluir
  7. Tbm nao m conformo ...mas msm assim continuo amando esse seriado ..eles sao um exemplo pra mim..sou uma xenite fanaticaaaaaaaa...

    ResponderExcluir
  8. Amorr xena mim faz refletiii sobre meus sentimento.ex: como amar qm nao amor para agradar minha familha. Mais com seriado xena descobrii q nao inporta o tempo q lever minha alma gemia mim esperaaa :p

    ResponderExcluir
  9. Amor o seriado xena assiste dez dos meus 8anos,ele fez entende q nossa vida nao bm um conto de fadas.mais sempre podemos melhorar, ja q sou foçada a amar qm nao amor para agrada minha familha. ate encotra minha alma gemia

    ResponderExcluir
  10. Realmente não foi um final como espreravamos, mas vamos ver por outro lado, elas só se separam no ultimo minuto do términio da serie, logo elas passaram o tempo toda juntas...

    ResponderExcluir
  11. Queria encontrar uma amizade como a delas 💝😍😍😍😍

    ResponderExcluir
  12. Ainda não assistir todos os episódios, porem também não gostei de saber que xena morrerá... Preferia um final feliz para as duas... Mais enfim, amo essa série...

    ResponderExcluir
  13. A questão é se elas se amava só como amigas ou era algo mais eu semp quis que fosse mais que amizade entre as 2

    ResponderExcluir
  14. A questão é se elas se amava só como amigas ou era algo mais eu semp quis que fosse mais que amizade entre as 2

    ResponderExcluir
  15. Pra mim ficou bem óbvio que elas eram mais que amigas.

    Eu gostei do fim, foi de encontro com tudo o que a série lidou ao longo de suas 6 temporadas, nem a morte as separou, a morte física é um período de espera momentâneo, já que Xena e Gabrielle estão destinadas a eternidade juntas.

    Pra mim a única coisa mal explicada é ela ter de permanecer morta pra " vingar" as almas, se a redenção dela era por arrependimento e amor, porque a vingança foi o fator determinante na permanência da morte no corpo físico?

    ResponderExcluir

Para evitar comentários com conteúdo chulo e ofensivo, todos serão moderados, certo?

Ѳ Comente pelo Facebook!

Ѳ Mais Vistos